GP0440 – CVRD – UHE CANDONGA – PROJETO EXECUTIVO

GEOPROJETOS, em consórcio com a Construtora OAS (civil) e VA TECH GmbH da Áustria (equipamentos), foi contratada pelas empresas Companhia Vale do Rio Doce – CVRD e ALCAN Alumínio S.A, vencedoras do leilão de concessão para exploração da energia gerada. A GEOPROJETOS foi responsável pela elaboração dos Projetos de Engenharia Civil, Elétrica e Mecânica e pelos Estudos e Projetos Ambientais.

A Usina Hidrelétrica de Candonga foi construída no rio Doce, nos Município de Rio Doce e Santa Cruz do Escalvado, Minas Gerais.Trata-se de um barramento em concreto compactado a rolo (CCR) com a Casa de Força incorporada ao barramento, junto à ombreira esquerda, e as estruturas de vertimento localizadas no antigo leito do rio. O Projeto Básico de Engenharia e o Plano de Controle Ambiental (PCA) foram concluídos em outubro de 2000 quando foram submetidos e aprovados pelos órgãos oficiais, ANEEL e FEAM. A Licença de Instalação (LI) foi emitida pela FEAM em 06 de junho de 2001 e as obras tiveram início em 09 de junho de 2001. Em linhas gerais são as seguintes as características técnicas da Usina:

  • Área do reservatório: 2,86 x 106 m2;
  • Volume no NA máximo: 54,44 x 106 m3;
  • Comprimento da crista: 250 m;
  • Altura máxima: 53m;
  • Volume de concreto rolado: 270.770 m3;
  • Volume de concreto convencional: 92.000 m3;
  • Volume de escavação em solo: >256.000 m3;
  • Volume de escavação em rocha: 152.000 m3;
  • Potência instalada: 140 MW;
  • Vertedor de superfície com 3 comportas tipo segmento;
  • Casa de Força abrigada com 3 unidades tipo KAPLAN;
  • Tomada d’água convencional, no corpo do barramento, com 3 aberturas de 56 metros de altura.

O Projeto Básico de Engenharia e o Plano de Controle Ambiental (PCA) foram concluídos em outubro de 2000 quando foram submetidos e aprovados pelos órgãos oficiais, ANEEL e FEAM. A Licença de Instalação (LI) foi emitida pela FEAM em 06 de junho de 2001 e as obras tiveram início em 09 de junho de 2001.